DICA DE LIVRO: "Fronteira", de José de Souza Martins (c/ Resenha) ~ Identidade 85 ::
Booking.com

domingo, fevereiro 14, 2016

DICA DE LIVRO: "Fronteira", de José de Souza Martins (c/ Resenha)




Dentre as obras de José de Souza Martins, "Fronteira" é um livro importantíssimo para entender as fronteiras interiores do Brasil. 

Ele trata das diferenças, dos conflitos e das formas de contato entre o "civilizado" que expande e o "arcaico" que habita os espaços e com frequência é combatido.


Com um subtítulo sugestivo, "A Degradação do Outro nos Confins do Humano", o livro fala sobre os confins que separa m o Nós dos Outros nas fronteias, que sabemos não ser naturais. Trata sobre as diferentes e conflitivas espacialidades de nossa expansão interna, nesse demorado movimento iniciado com a Conquista e ainda não completado, que nos leva a encontrar o novo

A fronteira é o espaço próprio do encontro de sociedades e culturas entre si diferentes: a sociedade indígena (tida como a barbárie) e a sociedade dita “civilizada” - que inclui as várias e substancialmente diferentes nuances da sociedade de "brancos" e mestiços que somos. A fronteira é o lugar da liminaridade, da indefinição e do conflito. 


Tem sido o lugar da busca desenfreada de oportunidades para alguns, como aqueles que ainda saem do Nordeste e por vezes o fazem em levas migratórias, rumo às terras que para eles são novas, esperando encontrar trabalho e meio de sobrevivência e por vezes encontrando confronto e morte, ou quando não isso a exploração em seringais, mineradoras e madeireiras. São esses migrantes, por vezes (com frequência diria o autor), inseridos na guerra contra os indígenas que resistem às invasões, sendo grandes os saldos de mortes e as atrocidades praticadas.


José de Souza Martins é um dos grandes cientistas do século XX, que vai tratar das questões de fronteiras, entre outras, incluindo nelas as relações humanas nas movimentações econômicas, do trabalho e de expansão territorial, nas chamadas frentes de expansão e frentes pioneiras, onde o capital segue (por vezes ao mesmo tempo) a ampliação da fronteira territorial. 

É com certeza uma obra de referência para os estudiosos sobre trabalhos compulsórios (especialmente na Amazônia e regiões afastadas dos grandes centros do Brasil), onde se encontram "semi-escravos" a viverem para o capitalismo, que não faz questão de excluí-los, pelo contrário.


Para adquiri-lo, clique aqui!


De R$ 39,00 por R$ 35,40

 clique aqui!

Outras obras do mesmo autor (as que possuem link, se encontram à venda e tiveram seus preços cotados):





Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!