Os mundos ervateiros e as relações de trabalho ~ Identidade 85 ::

terça-feira, outubro 18, 2011

Os mundos ervateiros e as relações de trabalho


Trabalho apresentado no IX Congresso Brasileiro de História Econômica / 10ª Conferência Internacional de História de Empresas, realizado em Curitiba, PR, entre os dias 7 e 9 de setembro de 2011.

RESUMO

Meu objetivo com este artigo (vídeo) é fazer um breve comparativo do processo de produção de erva-mate no Paraná, em Santa Catarina e em Mato Grosso, partindo deste último estado, debatendo com alguns autores, confrontando-os com algumas informações constantes em documentação do Instituto Nacional do Mate. É intenção deste artigo também discutir, mesmo que de forma sucinta, as relações de trabalho, as condições dos trabalhadores nos ervais dessas localidades, além de algumas questões relacionadas à produção e exportação de erva-mate, tais como a evolução das técnicas e equipamentos. Tomo para isso como período base os séculos XIX e XX, desde quando se efetiva a produção em massa do produto no Brasil até os anos de crise na produção e exportações, especialmente 1965, quando a quebra das importações por parte da Argentina de mate cancheado (semi preparado) teria atingido em cheio a economia ervateira do estado de Mato Grosso, totalmente dependente das relações comerciais do produto com esse país. Abrindo ainda uma pequena discussão sobre a oposição entre produtores e industriais do mate, que afetaram diretamente a vida os trabalhadores. Dentre os autores com os quais debateremos estão: Temístocles Linhares, Virgílio Corrêa Filho, Alcides Goularti Filho, Orlando Valverde, Laércio Cardoso de Jesus, Gilmar Arruda, entre outros. Espero também com esse artigo alcançar um resultado bilateral, tanto contribuindo com os que o lerem quanto a mim mesmo em minhas discussões, relacionadas à minha pesquisa de mestrado que se encontra em andamento, intitulada Erva-mate e Frentes Pioneiras: dois mundos em um só espaço (1945 a 1970)


Assista os videos e veja como foi:




0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!