Toda essa correria vale a pena? ~ Identidade 85 ::
Booking.com

terça-feira, janeiro 13, 2015

Toda essa correria vale a pena?



por Camila Silveira*

Estou sozinha. Minha companhia é o vento a soprar meu rosto e as lágrimas que de meu olho insistem em escorrer. Ao fundo, ouço o trem que de longe vem, e na memória um nome, um rosto e um amor; se torna cada vez mais difícil conter as lágrimas e a saudade, mas aos poucos vou me acalmando e preenchendo esse vazio existencial e a saudade que sinto.

Andar pelos trilhos se tornou algo incomum nos dias de hoje, bem como jogar bola na rua até tarde. As infâncias parecem ser diminuídas pela tecnologia e as mentes poluídas, manipuladas e organizadas somente para fazer uma função; a criatividade das crianças é vetada com esses vídeo games, com o celular e o computador – que se tornaram o primeiro presente de uma criança. Não culpo as crianças de hoje por sua infância, pois não existem mais árvores e as ruas não são mais seguras para as mesmas brincarem até tarde, mas critico os pais, por permitirem que seus filhos, sejam de certa forma, estragados pela mídia.

É difícil se ver alguém – independente da idade – ler um livro e/ou jornal, quanto mais um livro por mês, enquanto antigamente, era algo muito comum. Querendo ou não, o ensino se modernizou e as informações também, condizendo com o século que se transforma gradativamente. 

Com essas alterações, o ensino melhorou ou piorou? Em partes melhorou, pois dá tanto ao aluno como a qualquer pessoa, a chance de saber o que acontece não apenas em seu país, mas com o mundo em tempo real aprimorando seu conhecimento, mas também fez com que regredisse o aprendizado, pois devido as informações estarem disponíveis a todo instante, possibilitando o plágio em trabalhos, não se tem mais aquela pesquisa a fundo sobre determinado assunto, onde era necessário ler três, cinco, dez livros, quando hoje, as coisas deveriam ser aprofundadas devido às facilidades, mostram-se cada vez mais superficiais.

As pessoas estão se irritando cada dia mais – inclusive crianças – devido ao estresse do dia a dia, porém, se dispuseram às tarefas que realizam diariamente, sabendo o que seria exigido, e a qual função é designada. Quanto às crianças, estresse é devido a não fazer nada, apenas movimentar os dedos para jogar seus jogos o dia inteiro. Não existe diálogo, nem entre pessoas de uma mesma família muito menos entre estranhos, como também não existe uma preocupação dos pais sobre as tarefas escolares e da vida de seus filhos, pois estão atarefados demais com outras coisas, enquanto isso, seus filhos crescem sem os pais presentes e ao serem pais, farão a mesma coisa, tornando-se parte desse ciclo vicioso.

Toda essa correria e esse estresse valem à pena? O que é mais importante, sua rotina diária de trabalho ou o crescimento de seu filho? Muitos poderão dizer que é o crescimento de seu filho, mas estes não brincam de bola, não leem um livro com ele ou o perguntam “Como foi seu dia? O que você aprendeu?”. 

Dessa vida, apenas levamos o amor, cultive-o, e não deixe que as coisas virem saudade, ainda há tempo de virar o jogo.

* do blog ValeUmaPausa..

** Imagem do topo retirada do blog SendoEdificado

Compartilhe essa postagem:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!