Papo de professor: greve instalada em SC ~ Identidade 85 ::

quarta-feira, abril 01, 2015

Papo de professor: greve instalada em SC




Os professores do estado de Santa Catarina iniciaram essa semana uma greve por manutenção de direitos, defesa dos Contratados (ACT) e contra ações do governo em relação ao Plano de Carreira do magistério estadual. O Papo de Professor será dedicado então, com essa e outras postagens, ao movimento.

Aos que acompanham o blog, saibam que este que vos escreve também está no movimento. Não sei qual o meu futuro, se continuarei no ensino básico ou não, mas se defendo direitos e melhorias na educação aqui, não posso fugir dessa manifestação de repúdio às ações do governo estadual. 

O Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Santa Catarina (SINTE), representado por sua regional em Jaraguá do Sul, em mensagem enviada ao blog por e-mail deixou claro que esta greve não é só por ganhos, mas para evitar as perdas:  regência, triênios, progressões. Coisas que só quem faz uso às vezes entende.

Trata-se de uma greve legal e os pais e alunos precisam entender a importância de apoiar-nos. As aulas não dadas serão futuramente repostas.

Entenda a pauta do SINTE:

  • Defesa dos direitos dos Contratados (ACTs);
  • Não aceitação incorporação da regência;
  • Piso salarial na carreira;  
  • Descompactação da tabela salarial; 
  • Não aceitamos a retirada da referência magistério; 
  • Manutenção do 1/3 de hora atividade;
  • Manutenção de Assistentes Técnicos Pedagógicos (ATPs) e Assessores de Direção (AEs) como especialistas incluídos no quadro magistério (ter o mesmo tempo pra se aposentar que os demais docentes e hora aula de trabalho);
  • Abono de faltas de assembleias e paralisações (reposição) passadas, sem prejudicar progressões; 
  • Isonomia salarial para os aposentados.


Segundo informações passadas por Vera Lúcia, do SINTE de Jaraguá do Sul (noite de quinta, 26 de março), havia 220 professores paralisados e o número estava para ser atualizado pois escolas ainda não tinham passado suas listas e professores ainda estavam indecisos. 

Devo ainda dizer que, assim como muitos que estão aderindo, não defenderei partidos, mas direitos que vão muito além de filiações.

Compartilhe essa postagem:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!