Escolas no Assentamento Sul Bonito, MS ~ Identidade 85 ::
Booking.com

domingo, maio 13, 2007

Escolas no Assentamento Sul Bonito, MS






As primeiras quatro fotos, nos levam a pensar: Que mundo é esse o nosso? Onde estão os direitos humanos? E elas são apenas representações da vida diária que levam as crianças do assentamento Sul Bonito-Ms, mas não demonstram em si a gravidade que enfrentam, o que na realidade é ignorado por muitos de nós.Foram fotos tiradas na ESCOLA do ASSENTAMENTO. 

A 1ª é a sala dos professores, a 2ª é o banheiro, a 3ª a sala de aula, a 4ª o ônibus escolar que circula em péssimas condições. E na última foto temos o sorriso destas crianças no momento do recreio. E ainda temos a capacidade de reclamar por justiça sem ao menos termos a consciência de clamar antes por condições e vidas...

Kátia Aline da Costa

2 comentários:

  1. É incrível como as pessoas criam estereótipos sobre determinadas coisas, como por exemplo o caso de "Acampamentos" e "Assentamentos". Eu achava que fosse a mesma coisa, pois envolvia os mesmos tipos de personagens e também tinha uma visão "capitalista" (se é que posso usar esse termo) sobre as pessoas que faziam parte deste movimento, como pessoas desocupadas e que só queria na maioria dos casos tomar as terras dos outros.

    Com o tempo, passamos a entender, e no nosso caso graças ao trabalho de professores (como o Eudes e a Marísa) e alunos (Kátia, Ana Júlia e outras que ainda não tivemos conhecimento), que através do convivio em nossa universidade (UFGD) têm nos mostrado facetas distintas dessas pessoas.

    Assim podemos compreender melhor e quem sabe num futuro próximo estarmos contribuindo de forma ativa com idéias que melhorem as condições de vida das pessoas e que mostrem o movimento MST como algo que precisa ser discutido de forma mais humana pelos detentores do poder.

    As fotos tiradas pela Kátia, sem sem demagogia, são muito expressivas e nos mostram um pouco desse lado do nosso país que muita gente não conhece ou simplesmente fecham os olhos para não ver.

    Por isso precisam seguir estudando esses movimentos e transmitindo de forma ativa os resultados...

    ResponderExcluir
  2. É muito gratificante ver o reconhecimento das pessoas diante dessa comunidade sem terra, e a minha intenção, idéia da qual não lanço mão, é fazer uma análise, a mais crítica o possível, da situação que vive esses indíviduos e a relevância que o movimento ainda precisa atingir numa perspectiva que desperte para outros a consciência cidadã que devemos ter!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!