Sociedade e ambientes: aspectos gerais sobre a exploração ambiental no interior da CAND (Colônia Agrícola Nacional de Dourados) ~ Identidade 85 ::

sexta-feira, novembro 04, 2011

Sociedade e ambientes: aspectos gerais sobre a exploração ambiental no interior da CAND (Colônia Agrícola Nacional de Dourados)

 Alan Luiz Jara


Desde o século XVI a porção sul do antigo estado de Mato Grosso foi cenário de vários processos, tanto migratórios quanto de ocupação. No século XX os fenômenos migratórios e imigratórios mais intensos para esta região ocorreram por conta da campanha Varguista denominada Marcha Para Oeste, que culminou na criação da Colônia Agrícola Nacional de Dourados. Entre os principais objetivos do projeto de Vargas estava o desenvolvimento da região através da pequena propriedade, pelas mãos do trabalhador rural. Neste âmbito histórico-geográfico, o trabalho final que aqui se apresenta tem como objetivo geral, compreender a relação entre homem e natureza, tendo como norte a exploração ambiental no interior da colônia. Estas relações perpassam não somente a questão da derrubada das matas, mas também, todo o cosmo que permeia esta atividade: as correntes migratórias, as dificuldades, a forma de vivencia, a perspectiva do colono e seu olhar diante do ecossistema em que este se encontra inserido. Para tal, a pesquisa utilizou-se de fontes bibliográficas de caráter acadêmico e memorialista, jornais da época e principalmente de entrevistas feitas por outros pesquisadores com ex-colonos e remanescentes da colônia.
 

Baixe o artigo completo, clique aqui!



Plágio é crime! Cite a fonte.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!